Carvalhosa recorre ao STF para barrar reexame de prisão após segunda instância

COMPARTILHAR

NOTA. O Antagonista informou que “o professor Modesto Carvalhosa, o desembargador aposentado Laercio Laurelli e o advogado Luís Carlos Crema protocolaram no STF mandado de segurança para impedir a reanálise da prisão após segunda instância.”

Entre os pedidos está a suspensão da sessão de amanhã que poderia debater o caso. Também pedem que o ministro Marco Aurélio seja impedido de suscitar questão de ordem para debater o tema.

Veja:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui