Cármen rebate ataque feito pelo PT: “sordidez” e “tentativa de coação”

COMPARTILHAR

NOTA. Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal, disse ao site O Antagonista que é uma “sordidez” e “tentativa de coação” a publicação do PT sobre ela ter comprado um imóvel que pertenceu ao doleiro Fayed Traboulsi.

Em evento promovido pela Folha de S. Paulo na terça, 13, ela declarou que não vai se dobrar à pressão petista para salvar Lula.

Questionada sobre como lidava com o lobby para revisar a previsão de prisão a partir de decisão da segunda instância, respondeu: “Eu não lido. Eu não me submeto a pressão”.

A ministra está em um momento de extrema pressão, e por isso evitado reuniões com o colegiado. Reduziu também seu núcleo de conselheiros. Segundo o Painel da Folha, não se vê isolamento semelhante desde a gestão de Cezar Peluso.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorLula pede mais uma vez a censura de mídia
Próximo artigoPSOL quer anular a Intervenção Federal na segurança do Rio de Janeiro
Formada em teatro e graduando-se em direito. Integra o Movimento Brasil Livre. Email para contato: francineggalbier@gmail.com. O Diário Nacional é um blog com linha editorial à direita, que faz cobertura de notícias políticas e textos de opinião, contando com diversos colaboradores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui