Procuradores no TCU chegam a receber até 57 mil reais por mês

COMPARTILHAR

ECONOMIA — O Tribunal de Contas da União, TCU, é um dos braços fiscalizatórios mais caros da União.

Um levantamento entregue à Comissão de Supersalários da Câmara, feito pelo próprio tribunal, revelou que 11 procuradores do órgão receberam mensalmente, entre setembro de 2016 e agosto do ano passado, muito acima do teto constitucional de 33 700 reais.

Gabriel Mascarenhas informou à Veja:

“Afora as já conhecidas remunerações estratosféricas dos doutos ministros (quase 80 000 reais), os procuradores que atuam na corte receberam até 56 761 reais por um mês de trabalho.

Os holerites dessa turma apontam vencimentos que variam de 28 900 reais a 32 000 reais no período. Não só.

Os integrantes do Ministério Público no TCU gozam ainda de valiosos penduricalhos.

Um deles acumulou ganhos de 54 300 reais em outubro de 2016. Agarrados ao salário, estavam os benefícios.

A lista de agrados incluiu 723 reais de auxílio pré-escola; 4 377 reais em auxílio-moradia; 3 800 reais referentes ao ressarcimento de gastos em saúde (não raro, chegam a 5 500 reais); 735 reais para alimentação; e 750 reais de telefone.”

Pois é. Mais um episódio da elite do funcionalismo público do Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui