Tiroteio em Parkland, na Florida, mata 17 pessoas até agora

COMPARTILHAR

EUA— Nesta quarta-feira (14), um ex-aluno invadiu seu antigo colégio em Parkland, Florida, e atirou em professores e alunos, causando, até agora, 17 vítimas.

O suspeito Nicolas Cruz, 19 anos, foi expulso do colégio aproximadamente 1 ano atrás, por problemas de comportamento ainda não identificados.

A arma do crime foi uma AR-15, um rifle de assalto. Cruz, segundo alunos, tinha outras armas, e chegou a mostrar para seus colegas em seu tempo na escola.

Em entrevistas, os alunos se mostraram pouco surpresos ao descobrir que o suspeito era Nicolas. “Nós sabíamos que havia algo errado, mas não dissemos nada”, disse um aluno ao ser questionado sobre o comportamento do suspeito na escola.

Segundo a polícia local, 12 pessoas morreram dentro do colégio, 2 pessoas perto da escola, 1 pessoa na rua da escola e outras 2 pessoas no hospital. Mais 3 pessoas estão em estado grave no hospital. As identidades das vítimas ainda não foi revelada.

Após tiroteio, o suspeito foi levado ao hospital, e depois foi à delegacia. Motivos ainda são desconhecidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui