Com crescimento da miséria, pais venezuelanos entregam seus filhos a orfanatos para que eles não morram de fome

COMPARTILHAR

VENEZUELA — A situação é de partir o coração.

Uma reportagem de Anthony Faiola, do Washington Postfeita em Caracas, mostrou mais um dos efeitos do socialismo que deu certo na Venezuela.

Com o crescimento acelerado da miséria e da fome, além da escassez nos supermercados e farmácias, muitos pais estão entregando seus filhos a orfanatos para que garantir que possam ao menos comer.

Segundo a reportagem, ainda não há estatísticas oficiais sobre o número de crianças que foram abandonadas ou enviadas a orfanatos, mas as entrevistas feitas pelo jornal americano com dez organizações de auxílio à infância sugerem que esse número já passe das centenas.

Os pais estão preferindo entregar seus filhos a ter que assistir eles morrendo de fome.

As informações são do Washington Post.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui