IBGE mostra que Lula e Dilma são dois farsantes

COMPARTILHAR

DF — Lula proclamou a abolição da pobreza no Brasil no ano de 2007, mas deixou como herança de seu Governo alguns milhões de miseráveis. Já Dilma, em 2012, proclamou a abolição da miséria, e conseguiu empurrar mais alguns milhões de brasileiros para abaixo da linha da pobreza.

“No Brasil do lulopetismo, como se sabe, miserável não é um pobre no limite da pobreza. É uma categoria à parte”, diz o comentarista Augusto Nunes para a Jovem Pan.

Pois o IBGE mostrou que os dois últimos presidentes do PT são verdadeiros vigaristas, o que não é nenhuma novidade. No entanto, o novo levantamento vale a notícia.

O Instituto demonstrou que em 2016, quando Dilma saiu da Presidência, mais de 52 milhões de brasileiros viviam abaixo da linha da pobreza, ou seja, com menos de 18 reais por dia.

Enquanto os brasileiros foram pra miséria, Lula e Dilma enriqueceram como nunca antes na história desse país.

As informações são da Jovem Pan e do IBGE.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui