Emicida xinga atleta de burro e seu vídeo declarando apoio a Dilma volta a circular nas redes

COMPARTILHAR

O dia da Consciência Negra foi marcado por conflitos ideológicos pelas redes sociais. Os protagonistas desse ano no Brasil? No time dos contrários a data tivemos Gloria Maria e o boxeador Falcão. Já os defensores foram Taís Araújo e Emicida.

Gloria e Falcão utilizaram uma fala do ator norte americano Morgan Freeman. Nela, respondendo sobre o que pensava sobre a Consciência Negra ter uma data comemorativa, Freeman diz que é contrário.

“O dia em que pararmos de nos preocupar com Consciência Negra, Amarela ou Branca e nos preocuparmos com Consciência Humana, o racismo desaparece.”, explica o ator.

Gloria foi atacada em seu Instagram após postar uma imagem do pensamento e teve que se explicar para acalmar os haters.

Já Falcão fez a publicação em seu Twitter e recebeu uma resposta dele: o rapper socialista que vende bonés a 200 reais pros moleque bom da periferia.

Para o gênio, Falcão estava dizendo um “pa de bosta” e “conseguiria ser mais inteligente que isso”.

Em meio ao caos, eis que ressurge como uma fênix um vídeo onde Emicida passa seu atestado de desprovimento de inteligência: apoiou Dilma Roussef para a presidência.

Assista:

“A gente não quer mais que o pobre que vença seja simplesmente sortudo, a gente quer que isso seja a regra”, diz Emicida, mas ainda assim ele defende as ideias socialistas. Não é muito inteligente, né?”

Depois ele diz “Achei foda a Dilma falar de alto de resistência hoje. Foi bem bonito. To emocionado. Acho que isso aqui é história. Nunca fui tão convicto para as urnas como vou dia 23. É 13 memo”, diz emocionadíssimo.

Oh Lord, sem mais. 

 

 

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui