Jorge Picciani é levado para depor imediatamente após seu filho ir para a cadeia

COMPARTILHAR

Por Josué Nunes

O deputado Jorge Picciani (PMDB), presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) e pai do Ministro dos Esportes Leonardo Picciani, foi levado por agentes para prestar depoimento na sede da Polícia Federal, na manhã desta terça-feira (14).

A Operação Cadeia Velha também prendeu, no início desta manhã, Felipe Picciani, filho do deputado, e está nas ruas para cumprir mandados de prisão contra Jacob Barata Filho e contra Lélis Teixeira, ex-presidente da Fetranspor, além de 35 mandados de busca e apreensão.

O presidente da Alerj é suspeito de receber propina da caixinha da Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor). A informação chegou ao Ministério Público Federal com a delação premiada do doleiro Álvaro José Novis.

O nome da Operação é oportuno. Trata-se de uma alusão ao antigo pavimento presidiário que funcionou de 1630 a 1808 no hoje conhecido Palácio Tiradentes, que abriga a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui