Corey Feldman foi atacado em programa esquerdista quando tentou denunciar pedofilia em Hollywood em 2013

COMPARTILHAR

O ator Corey Feldman (“Conta Comigo”, “Os Goonies”) contou ao programa “The Dr. Oz Show” o nome do homem que o abusou sexualmente nos anos 1980, quando ele tinha 14 anos. As informações são do BOL.

O nome do ator é John Grissom, assistente pessoal de Feldman que participou em pequenos papéis de alguns filmes estrelados por ele, incluindo “Sem Licença para Dirigir” (1988) e “Um Sonho Diferente” (1989), sucessos do cinema adolescente.

De acordo com a Fox News, Feldman, hoje com 46 anos, disse que, em 1993, chegou a denunciar Grissom e outros abusadores de Hollywood no departamento de polícia de Santa Barbara e, durante o “The Dr. Oz Show”, ligou novamente para alertar os policiais mais uma vez.

Em 2013, ao programa esquerdista The View (da ABC), Corey já havia tentado fazer essa denúncia, mas foi ridicularizado no ar.

Em um vídeo legendado pelos “Tradutores de Direita”, vemos que em vez de criticar os pedófilos, Barbara Walters direciona sua raiva contra a vítima,  Corey, que se vê até obrigado a desculpar-se pelo que disse.

Assista:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui