Tropa de Gleisi se diz traída por Boulos, que anunciou candidatura

COMPARTILHAR

A Maurício Lima, jornalista da Veja, escreveu:

Gleisi Hoffmann e seus colegas de PT tentam administrar o misto de ira e dor de cotovelo trazidos pela notícia de que Guilherme Boulos, líder do MTST, negocia com o PSOL para disputar a presidência da República.

Os correligionários da Lula souberam do flerte pelos jornais. Mas isso é o de menos.

A eventual filiação de Boulos ao PSOL significaria para o PT perder uma de suas principais apostas para fazer uma bancada volumosa na Câmara em 2019, já que o sonho de Lula era vê-lo na Câmara.

Além disso, Boulos responde por uma militância de trabalhadores que costuma comparecer em peso a atos em favor do ex-presidente sempre que convocada, do Rio Grande do Sul ou Piauí.

Apavorados com a ameaça de migração, os petistas acusam o líder do MTST de deslealdade, sob argumento de que ele participou de diversas reuniões estratégicas do comando do partido.

Mas isso é da boca para fora, tanto é que ainda tentam convencê-lo a mandar o PSOL para o espaço.

Pelo jeito, em 2018 a esquerda estará bem dividida.

Fonte: Veja

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui