Nova campanha da Globo é apontada como uma rendição aos protestos surgidos nas redes sociais

COMPARTILHAR

A Globo lançou uma campanha curiosa após receber ataques pelas redes sociais desde a exibição de uma reportagem no Fantástico sobre a performance La Bête, que ocorreu na 35 Abertura da Arte Brasileira no Museu de Arte Moderna – que teve um criança tocando o corpo de um homem nu – e sobre a exposição Queermuseu, sobre diversidade e sexualidade, cancelada pelo Santander Cultural após a sociedade iniciar um boicote contra o banco espanhol Santander.

Passagens do texto da nova campanha diz “uns gostam da gente, uns dizem que não”. Maurício Stycer escreveu para o UOL que o texto chega a soar irônico em algumas passagens e infla números – para atingir o público de 100 milhões foi preciso somar a audiência online da emissora.

Assista a campanha:

Fonte: O Implicante

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Coloque seu nome aqui